Rones A. Chiarani, engenheiro agrônomo fala sobre os prejuízos que as chuvas estão trazendo para os agricultores

A safra do feijão no Paraná enfrenta complicações desde o início do plantio em detrimento do tempo seco. O atraso no plantio também prejudicou o desenvolvimento das lavouras que sofreram com o frio em novembro e agora em fase de colheita enfrentam o excesso de chuvas. Para os produtores de feijão de Mariópolis PR a chuva na hora da colheita já está fazendo estragos.

Segundo Engenheiro Agrônomo do Siviero Cereais Rones Alex Chiarani Mariópolis hoje tem de 14 a 15 mil hectares de área plantada com soja, feijão e milho sendo de 350 a 400 hectares de feijão, de vários tipos como preto, carioca e cavalo que encontram-se nas fases de maturação, maduro e dessecado. Os principais problemas surgem na fase da maturação a prática da dessecação é muito usada por produtores de feijão pois possibilita o planejamento da colheita.

A colheita do feijão que teve início em 25 de dezembro de 2017, e desde então as chuvas vêm castigando os produtores.

Com a previsão de mais chuvas ainda o resultado deve continuar influenciando em lavouras perdidas e com qualidade afetada por intempéries como feijão brotado ou embolorado, o feijão que está seco mancha e muda de cor perdendo a qualidade. Com quebra no rendimento, consequentemente isso gera prejuízo para o produtor. Os produtores torcem por uma melhora do tempo, mas o clima para os próximos dias na região deve continuar atrapalhando a colheita com chuvas acima da média a perca até o momento está sendo de 20 a 30 % aumentando gradativamente dia após dia

Mariópolis PR. 19/01/18

Fonte. Rones Alex Chiarani

Mt. Gilson (gaúcho)

Feijão

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.